Jorge Viana critica desmonte da Funai e lamenta violência contra indígenas no Maranhão

E-mail Imprimir PDF

O senador Jorge Viana (PT-AC) lamentou da tribuna do Senado nesta terça-feira (02) a chacina de trabalhadores rurais sem-terra em Mato Grosso, no mês de abril, e também o ataque sofrido por indígenas da etnia Gamela no município de Viana, no Maranhão, neste último fim de semana. O senador denunciou que ao menos 13 índios foram feridos e, segundo a Comissão Indigenista Missionária (Cimi), dois deles teriam tido as mãos decepadas.

Em discurso, o parlamentar criticou a postura do atual ministro da Justiça, Osmar Serraglio, que comanda a pasta responsável pela Fundação Nacional do Índio (Funai). Segundo a imprensa, Serraglio fez pouco caso da luta indígena quando questionou se “terra enche a barriga de alguém”, referindo-se à luta dos povos indígenas pela demarcação.

“Só quem não tem nenhum respeito com a história dos povos originários indígenas, só quem não tem o menor bom senso, quem não leu a Constituição pode falar uma asneira dessa. Terra tem um significado muito mais amplo para os povos indígenas. Para eles, a terra é a sua história, a sua vida”, declarou.

O senador criticou o desmonte da Funai, que segundo ele teve um corte de 44% em seu orçamento, e destacou que para valorizar os povos indígenas é preciso fortalecer a instituição. Viana ainda fez um apelo para que os senadores não se calem diante da matança de índios no Brasil. Ele também pediu que o ministro da Justiça receba representantes dos indígenas, faça com que a Polícia Federal prenda os responsáveis pela violência no Maranhão e dê melhores condições de trabalho para a Funai.

“A Funai tem bons funcionários, a Funai tem uma história. Vai completar nesse ano, em dezembro, 50 anos. E olha como é que o Brasil está comemorando? Esse governo está matando a Funai por inanição. Nós não podemos nos calar diante dessa barbaridade”, defendeu.

flash1

 

Mais Notícias

Um encontro para pensar Rio Branco e o Acre

Dando sequência a uma séria de conversas e visitas que tem feito durante o recesso parlamentar, o se...

Movimentos sociais anunciaram que estarão em Porto Alegre durante o julgamento do ex-presidente Lula

Diversos movimentos sociais anunciaram que estarão em Porto Alegre durante o julgamento do ex-presid...

Jorge Viana rechaça pressão pelo fim da neutralidade na internet

Relator da política de banda larga, senador alerta que mudança adotada pelos Estados Unidos vai prej...

Jorge Viana quer voos extras para o Acre

Da tribuna do Senado, parlamentar pede às empresas aéreas que destinem mais passagens e linhas aérea...

Jorge Viana terá Nazareth Araújo como primeira suplente na candidatura para o Senado

Durante o lançamento da chapa majoritária da Frente Popular do Acre realizado no auditório da Biblio...

A Globo, do outro lado do paraíso

Chamada por uma parte da sociedade brasileira de “golpista”, por outra parte de “comunista”, o momen...

Jorge Viana participa da Conferência do Clima e teme retrocessos ambientais no Brasil

Presidente da Comissão de Mudanças Climáticas do Congresso Nacional, parlamentar acreano lidera dele...

Solidário com prefeito, Jorge Viana critica ambiente de intolerância

  Da tribuna do Senado, parlamentar lamenta ação espetaculosa e constrangimento desnecessário ...

Nota do Senador Jorge Viana

Sobre a operação deflagrada nesta segunda-feira por órgãos de controle, quero reiterar minha inteira...

Jorge Viana: “Não dá para conviver com a pobreza numa das mais ricas regiões do mundo que é Amazônia

O senador Jorge Viana (PT) esteve no Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, nesta quinta, 26, e p...