Bancada acreana denuncia tentativa de garimpo no Juruá

E-mail Imprimir PDF

Durante audiência com senadores, deputados e vereadores de Cruzeiro do Sul, ministro das Minas e Energia diz que vai analisar o caso e atender à reivindicação dos parlamentares

A bancada federal do Acre esteve reunida na tarde desta quarta-feira (28) com o ministro das Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, para denunciar a concessão de terras para exploração de garimpo no Juruá. Parlamentares estão preocupados com a iniciativa, que também traz apreensão à população e ao empresariado.

“Isso caiu como uma ameaça para o Acre, especialmente do Juruá. Não houve nenhuma discussão com o estado ou com a sociedade. Pelo contrário”, disse Jorge Viana. “Nós viemos buscar uma explicação. Queremos uma ação para sustar imediatamente esse processo. Toda bancada acreana está unida nesse propósito”. O deputado Angelim declarou que a iniciativa “é claramente uma ação especulativa”.

Participaram do encontro com o ministro os senadores Jorge Viana e Sérgio Petecão, além dos deputados federais Moisés Diniz, Léo de Brito, César Messias, Angelim, Alan Rick, Jéssica Sales e Major Rocha. Também estiveram presentes o presidente da Câmara de Vereadores de Cruzeiro do Sul, Romário Tavares, o vereador Chaguinha do Povo, e o representante da Federação das Indústrias do Acre, João Paulo.

De acordo com proprietários de olarias e areais de Cruzeiro do Sul, após dificuldades na obtenção de licença para trabalho, foi identificado junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), requerimento de uma cooperativa de Mato Grosso para permissão da atividade de garimpo numa área de quase 40 mil hectares na região.

Fernando Coelho Filho garantiu que um processo de exploração mineral desse porte não é autorizado imediatamente. E comentou que a posição dos parlamentares acreanos contrários à esta ação será levado em consideração.

Sobre a reivindicação para liberação das licenças de exploração de areia e argila pelas empresas da região, ficou acordado que os empresários irão assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para a permissão temporária de trabalho. Essa decisão é considerada fundamental para que as empresas deem continuidade ao trabalho de produção de insumos para construção civil.

Representação

Outra reivindicação da bancada, coordenada pelo senador Sérgio Petecão, foi a instalação de um escritório do DNPM em Rio Branco. Isso facilitaria o processo de licenciamento e as autorizações. Hoje, os empresários precisam recorrer ao escritório em Porto Velho, que atende aos estados de Rondônia e Acre.

O ministro disse que vai estudar o caso, mas destacou que a criação do novo marco da mineração no Brasil, que hoje está em discussão no Congresso, pode contribuir para alavancar o setor que é hoje responsável por 4% do PIB brasileiro.

img280617

 

Mais Notícias

Solidário com prefeito, Jorge Viana critica ambiente de intolerância

  Da tribuna do Senado, parlamentar lamenta ação espetaculosa e constrangimento desnecessário ...

Nota do Senador Jorge Viana

Sobre a operação deflagrada nesta segunda-feira por órgãos de controle, quero reiterar minha inteira...

Jorge Viana: “Não dá para conviver com a pobreza numa das mais ricas regiões do mundo que é Amazônia

O senador Jorge Viana (PT) esteve no Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, nesta quinta, 26, e p...

“Amazônia está trazendo foco para agenda verde ambiental”, diz Jorge Viana

O senador do Acre, Jorge Viana, esteve presente na Câmara de Meio Ambiente do 16° Fórum de Governado...

Jorge Viana defende mais recursos e investimentos em Ciência e Tecnologia

Para senador, investimentos no setor de pesquisas e inovações são fundamentais para crescimento de u...

Jorge Viana condena cortes no Orçamento do meio ambiente

  Senador alerta para riscos na fiscalização ambiental por conta dos cortes na proposta orçame...

Jorge Viana destaca potencial do bambu para o Acre

Senador saúda entrada do Brasil em organização multilateral que incentiva exploração econômica da es...

Jorge Viana anuncia R$ 14,7 milhões em emendas para o Acre

Senador ligou para 22 administradores comunicando a alocação de recursos no Orçamento de 2018. “É mi...

Comissão sobre Mudanças Climáticas vai promover evento na COP 23, em Bonn

Jorge Viana confirma audiência, em 15 de novembro, durante Conferências das Partes, na Alemanha, par...

Jorge Viana quer lei de transparência para juros

Projeto do senador obriga instituições financeiras a divulgarem as taxas de juros, mensais e anuais,...