Jorge Viana cobra DNIT por mais frentes de trabalho na recuperação da BR-364

E-mail Imprimir PDF

Em visita ao DNIT, senador relata o estado de conservação da rodovia e, no Ministério da Integração, se diz preocupado com risco de isolamento do Acre por conta da seca no Rio Madeira

O senador Jorge Viana (PT-AC) esteve reunido com o diretor presidente do Departamento Nacional de Insfraestrutura de Transportes (DNIT), em Brasília, Valter Casimiro, para quem levou um relatório da viagem que fez pela BR-364 no último fim de semana. O senador mostrou fotografias que tirou das obras de manutenção e pediu mais frentes de trabalho, especialmente nos trechos nos trechos entre Manoel Urbano e Feijó, e entre Tarauacá até o Rio Liberdade, para evitar o isolamento dos municípios caso a rodovia não tenha condições de trafegabilidade.

"Os motoristas de táxi, de lotação; os caminhoneiros; os moradores, todos têm razão: a estrada era muito melhor há alguns anos”, disse em pronunciamento da tribuna. Ele também falou da BR-317 e comentou que no trecho que liga Brasiléia a Assis Brasil está seriamente comprometido, assim como os trechos que ligam Brasiléia a Rio Branco e a capital a Bujari. “Agora a estrada virou um caos”, discursou, na tribuna. “Entram políticos, tentando tirar proveito, ora querendo ser donos da solução, ora querendo jogar pedra em tudo e em todos. Mas precisamos de trabalhar unidos”.

Jorge Viana também demonstrou preocupação com a BR-317, no sentido até Brasileia e Assis Brasil. Casimiro se comprometeu em analisar o relatório detalhadamente e se reunir com as empresas que executam o trabalho de recuperação.

O parlamentar ainda acompanhou o governador Tião Viana na reunião no Ministério da Integração Nacional e representantes do Ministério do Meio Ambiente e Agência Nacional de Águas para tratar da seca do Rio Madeira, que está dificultando a passagem da balsa. Com o deputado federal Angelim, Jorge e Tião pediram providências como a dragagem do rio para dar maiores condições de navegabilidade. As autoridades acreanas alertaram para a construção da ponte sobre o Rio Madeira, que foi iniciada no final do governo Dilma Rousseff e está paralisada desde que Michel Temer assumiu o poder.

“Existe o risco de estado do Acre ficar isolado”, alertou. “O preço das mercadorias no Acre pode aumentar se a travessia do rio Madeira por onde é feito todo abastecimento do Acre for comprometida”. Ele disse que o preço do combustível está batendo recorde no estado. “O litro de gasolina agora no governo Temer está custando R$8. Isso é um abuso. É um absurdo nós termos brasileiro que tem que pagar para ser brasileiro e principalmente aqueles que cuidam do nosso país nas áreas de fronteira”, desabafou.

flash100817

 

Mais Notícias

Solidário com prefeito, Jorge Viana critica ambiente de intolerância

  Da tribuna do Senado, parlamentar lamenta ação espetaculosa e constrangimento desnecessário ...

Nota do Senador Jorge Viana

Sobre a operação deflagrada nesta segunda-feira por órgãos de controle, quero reiterar minha inteira...

Jorge Viana: “Não dá para conviver com a pobreza numa das mais ricas regiões do mundo que é Amazônia

O senador Jorge Viana (PT) esteve no Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, nesta quinta, 26, e p...

“Amazônia está trazendo foco para agenda verde ambiental”, diz Jorge Viana

O senador do Acre, Jorge Viana, esteve presente na Câmara de Meio Ambiente do 16° Fórum de Governado...

Jorge Viana defende mais recursos e investimentos em Ciência e Tecnologia

Para senador, investimentos no setor de pesquisas e inovações são fundamentais para crescimento de u...

Jorge Viana condena cortes no Orçamento do meio ambiente

  Senador alerta para riscos na fiscalização ambiental por conta dos cortes na proposta orçame...

Jorge Viana destaca potencial do bambu para o Acre

Senador saúda entrada do Brasil em organização multilateral que incentiva exploração econômica da es...

Jorge Viana anuncia R$ 14,7 milhões em emendas para o Acre

Senador ligou para 22 administradores comunicando a alocação de recursos no Orçamento de 2018. “É mi...

Comissão sobre Mudanças Climáticas vai promover evento na COP 23, em Bonn

Jorge Viana confirma audiência, em 15 de novembro, durante Conferências das Partes, na Alemanha, par...

Jorge Viana quer lei de transparência para juros

Projeto do senador obriga instituições financeiras a divulgarem as taxas de juros, mensais e anuais,...