Jorge Viana diz que Dilma está sofrendo um golpe parlamentar

E-mail Imprimir PDF

O senador Jorge Viana (PT-AC) afirmou no plenário do Senado que os senadores estão escrevendo, nesta terça-feira (9), “uma das páginas mais tristes” dos quase 200 anos de história do Senado Federal. Ele disse que a presidente afastada Dilma Rousseff está sofrendo um “golpe parlamentar”, pois não há provas de que ela tenha cometido qualquer tipo de crime que justifique o impeachment.

Para o senador, o Brasil está vivendo uma “marcha da insensatez” e que o “golpe parlamentar” contra Dilma está “ferindo de morte” a democracia brasileira. Ele afirmou que foram os governos do PT que trouxeram a Copa do Mundo de Futebol e as Olimpíadas para o Brasil, que tiraram o país do mapa da fome da ONU, que tiraram dezenas de milhões da miséria e colocaram os pobres para viajar de avião e cursar faculdades.

O parlamentar acrescentou que os favoráveis ao impeachment nunca aceitaram que Luiz Inácio Lula da Silva, um retirante nordestino, venceu na vida, virou presidente e se tornou um líder mundial.

— Para eles, favelado não é vencedor, pobre é vergonha — disse o senador ao citar a primeira medalha de ouro do Brasil na Olimpíada Rio 2016, conquistada pela judoca Rafaela Silva, que cresceu na Cidade de Deus, favela do Rio de Janeiro.

Jorge Viana pontuou que a presença do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, não significa que o tribunal esteja chancelando o impeachment. Ele explicou que a lei do impeachment é de 1950, quando o presidente do Senado era também vice-presidente da República. Por isso, os legisladores da época incluíram o presidente do STF no processo, pois o presidente do Senado, como vice-presidente, não poderia presidir o julgamento com isenção.

O senador disse ainda que dezenas de senadores foram ministros de Dilma e Lula. Ele desafiou esses parlamentares a apontarem “alguma mancha” ou algum ilícito da presidente afastada.

 

Mais Notícias

Um encontro para pensar Rio Branco e o Acre

Dando sequência a uma séria de conversas e visitas que tem feito durante o recesso parlamentar, o se...

Movimentos sociais anunciaram que estarão em Porto Alegre durante o julgamento do ex-presidente Lula

Diversos movimentos sociais anunciaram que estarão em Porto Alegre durante o julgamento do ex-presid...

Jorge Viana rechaça pressão pelo fim da neutralidade na internet

Relator da política de banda larga, senador alerta que mudança adotada pelos Estados Unidos vai prej...

Jorge Viana quer voos extras para o Acre

Da tribuna do Senado, parlamentar pede às empresas aéreas que destinem mais passagens e linhas aérea...

Jorge Viana terá Nazareth Araújo como primeira suplente na candidatura para o Senado

Durante o lançamento da chapa majoritária da Frente Popular do Acre realizado no auditório da Biblio...

A Globo, do outro lado do paraíso

Chamada por uma parte da sociedade brasileira de “golpista”, por outra parte de “comunista”, o momen...

Jorge Viana participa da Conferência do Clima e teme retrocessos ambientais no Brasil

Presidente da Comissão de Mudanças Climáticas do Congresso Nacional, parlamentar acreano lidera dele...

Solidário com prefeito, Jorge Viana critica ambiente de intolerância

  Da tribuna do Senado, parlamentar lamenta ação espetaculosa e constrangimento desnecessário ...

Nota do Senador Jorge Viana

Sobre a operação deflagrada nesta segunda-feira por órgãos de controle, quero reiterar minha inteira...

Jorge Viana: “Não dá para conviver com a pobreza numa das mais ricas regiões do mundo que é Amazônia

O senador Jorge Viana (PT) esteve no Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, nesta quinta, 26, e p...